sábado, março 29, 2008

ui ui...

O pouca-terra pouca-terra atrasou-se (mais do que é costume) e então, aqui o je, perdeu o autocarro. Resultado: muitos e muitos minutos à espera do próximo (sem bateria no portátil) e chegar a casa à 1h e tal da manhã, todo roto, sem sono, 5 horas e tal depois de ter partido...
Ideia: adormecer no sofá. Tv: Nip/Tuck. Ideia por água a abaixo...
7:30 – Sonho que o despertador está a tocar. Segundos depois percebo que não era um sonho, era um pesadelo.

Olhos vermelhos /
Lentes o dia inteiro a chatear /
doente chatos sempre a aparecer /
almoço às 3 da tarde...

À tarde, começaram as anedotas...
Enquanto estava com as mãos “ocupadas”, digamos assim, ouço:
“Sabem aquela do rapaz vegetariano que foi com a namorada para trás da moita e comeu a moita?”...
Um pouco depois, enquanto me degladiava com um espéculo e uma vagina:
“diz a sra. – o meu marido diz que tenho uma vagina muito funda.
O ginecologista põe-se em posição, observa, e afirma - é verdade, a senhora tem mesmo uma vagina muito funda, funda..., funda... funda....
- Não é preciso repetir, dr. Eu ouvi bem.
- Mas eu só disse uma vez!!”

Enfim... no comments

Mas, às vezes..., O UNIVERSO funciona
Cravar um paracetamol à enfermeira bonitinha
Bebés de meses que não choram
Os livros por que esperava na caixa do correio
Amêndoas, daquelas sem amêndoa ;), só chocolate, e sofá.
Enviar um comentário